Loira musical

Gisele, uma loira legítima, mas de cabelos, pentelhos e sobrancelhas amarelas, estava tomando um café na padaria quando, desesperadamente, precisou soltar alguns gases…

A música estava bem alta, então ela calculou que poderia soltar os peidos em sincronia com o ritmo da música e bem na hora de um som alto da bateria ou da guitarra…

Foi com grande alívio que ela pode soltar seguidamente os gases no ritmo da música… uma sensação ótima de alívio… Ela chegou a ficar orgulhosa pela sincronia com a música, se sentiu o máximo…

Quando terminou tranquilamente com o seu café ela notou que todo mundo estava olhando para ela. Ela ficou nervosa e foi quando ela notou que:

ESTAVA ESCUTANDO A MÚSICA COM O FONE DE OUVIDO!

Loira evangélica

Uma loira comenta sua situação aflitiva com um amigo, fiel da Igreja Universal:

– Estou numa maré braba. Estou sem crédito na praça, devendo pra todo mundo. Não vejo solução. Já pensei em me matar. Estou desempregada e sem dinheiro, cheia de contas e carnês atrasados. Não há nada que dê jeito nessa situação. Já perdi a esperança! Acho que já estou doente e vou morrer mesmo.

O religioso:

– Calma! Não é nada disso… Você precisa de ajuda espiritual. Você conhece a minha igreja? Pois é, na quarta-feira, tem uma Sessão de Descarrego, onde todos são curados ou aliviados, com uns 318 pastores e muita fé. Vai lá… Vamos te salvar!

Na quarta-feira, a loira vai à Igreja. No meio do culto é chamada ao palco e, entre outros desesperados, um pastor a agarra e brada:

– Sai desse corpo, demônio! Disaloja! Esse corpo não te pertence! Em nome de Jesus te afasta desta alma boa!

E colocando a mão em sua testa, brada:

– Estou ordenando: Em nome de Jesus, Disaloja!… Disaloja!… DISALOOOOOJA!…

E a loira aos prantos, grita:

– Casas Bahia! Lojas Americanas! Ponto Frio! C&A! Colombo! Pernambucanas! Marisa! Fininvest! Losango!